sábado, 9 de julho de 2011

seu sorriso seu olhar
meu olhar meu sorriso
seu sorriso meu olhar
meu olhar seu sorriso
eu me olho em seu sorriso
tu me molhas em seu olhar
se eu olhar em seu sorriso
meu sorriso vem te olhar
 
 
 

10 comentários:

  1. Sylvio!

    Eu era fã nº1 do Guru. Ele é excelente compositor e sempre nos visitávamos no blog. Ele tem um sentimento filosófico que aprecio demais, assim como suas músicas. Mas ele ou outra pessoa, foi no meu blog e soltou um Lúcifer. Como não gosto deste tipo de atitude que ele nunca teve, parei de frequentá-lo.

    É um poeta e músico de muito talento.

    Beijos

    Mirze

    ResponderExcluir
  2. Ele realmente é muito bom..., Mirze.

    Abraços querida.

    ResponderExcluir
  3. Já tinha ouvido Luna! Não sou exatamente um fã do Arnaldo; embora seja do outro, o Batista.

    Bjs querida!

    ResponderExcluir
  4. ...meu compadre
    duas surpresas vindo aqui:
    uma grata pela
    dignidade de figurar
    mais uma vez nessa
    praça diversíssima
    e outra estranha
    por ver uma reclamação
    da mirze sobre um comentário
    meu em um texto dela
    só vim saber por aqui
    do desgosto dela com
    o que eu disse.
    O que prova que o "eterna luz"
    tem parte com o "luz se fez"
    pois trouxe à luz pra mim
    um incomodo dela(mirze)que
    até então era obscuro pra mim
    Pena que ela não entendeu
    minha intenção e graças ao sol
    daqui posso me dar conta
    do quanto posso e devo
    me banhar nessa luz pra
    clarear e esclarecer o escurecido
    ...o capeta e a arte
    moram no detalhe...

    obrigado e aquele amplexo!

    ResponderExcluir
  5. Por mais obscuro que seja um blog, sempre é bom saber-nos agradáveis ao espírito de alguém.
    Vc, no caso, me impressiona de várias formas; sua poesia contém um impacto, e um frescor de cachoeira.


    Lúcifer, um mal entendido rola, associado a este personagem: a Luz por ele gerada revela as diferenças, idiossincasias ('boas' e 'más'), a argila das quais somos feitos; revela as duvidas e certezas que permeiam relações; nossas humanas bondades e maldades.
    A Igreja o crucificou, responsabilizando-o por algo que somos..., por percalços a que estamos sujeitos nesta dimensão relativa.

    Mirze poderia ter tirado sua duvida diretamente com vc; por sua maneira de ser, de sentir as coisas, ou por causa do acontecimento em si, preferiu guardar sua impressões.

    A Arte e Lúcifer convivem, Deus os criou; e se Ele os fez, então são bons (como água cristalina).


    Não é nescessário que me agradeça;
    apenas, fico feliz, que apareça.

    Grande Abraço!

    ResponderExcluir

Atue! Movimente-se! Se expresse! Nem que seja só comentando aqui!