quarta-feira, 16 de junho de 2010

Uma Perda Irreparável!

Cientistas responsabilizam celular por desaparecimento de abelhas.
O desaparecimento de abelhas que alarmou a Europa e a América do Norte está sendo creditado, por alguns cientistas, ao crescimento do uso dos celulares, segundo o site do jornal britânico “Daily Telegraph”.
De acordo com o site, a Grã Bretanha teve uma queda de 15% na sua população de abelhas nos últimos dois anos.
Pesquisadores da Universidade Punjab dizem que a radiação dos telefones celulares é um fator chave no desaparecimento e alegam que isso está envolvendo nos sentidos de navegação das abelhas.
Segundo o “Daily Telegraph”, os cientistas fizeram um experimento durante três meses e compararam a situação das abelhas que estavam coexistindo com os celulares com as que não estavam.
As que estavam no ambiente com radiação de celular tiveram uma queda dramática no tamanho de sua colmeia e redução do número de ovos postos pela abelha rainha.
As abelhas também pararam de produzir mel.

                                                                                                 http://flawegmann.wordpress.com/


Hoje, ao olhar os comentários do post anterior, notei que uma jovem senhora designou-me com a palavra 'zangão'. Alguma coisa talvez tenha sentido, pois o Universo colocou ao meu alcance (de novo), a notícia que veiculei acima.
Outro sim, deixo  registrado que: não me considero um macho desta espécie melífera, o fato de zanzar (ôpa), por blogs de gatenhas bonitinhas e inteligentes é só por ser eu um homem que valoriza não só a beleza interior (pois é disso que se trata - sei lá, eu acho... - :P), mas também para manter-me atualizado com a alegre e moderna dialética por elas usada.

Obrigado.

PS.: Gosto de mocinhas sim (numas); mas as madurinhas..., ai ai! (sem dúvida: Deus é Pai!).

24 comentários:

  1. Olá, estou aqui para agradecer a visita ao meu blog. Obrigada pelo comentário. Agora vou ler seus textos! Abraço

    ResponderExcluir
  2. Oi Silvio, vim aqui te agradecer seu comentário lá no blog quando eu estva láaaa no fundo do poço...Sobrevivi e vim te agradecer...acho engraçado esse negócio das abelhas estarem sumindo...já estou ouvindo e lendo sobre isso há uns 3 anos...aqui em casa elas estão com a corda toda na minha árvore marmeleiro (nome popular) que está cheinha de flores e elas adoram o mel dessa flor...vou ver se amahã faço um post sobre isso...pois ela está que é uma lindeza! Obrigada por seu apoio. Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Obrigada por ter passado no meu blog. Por apenas ter voado por lá. Eu não tinha entendido muito bem a ligação de um blog com o outro. Agora eu entendi. Eu disse lá no blog A Mina do Cara pra ele (que eu pensava que era ela) não aceitar o comentário, mas ele aceitou. O comentário era só uma sugestão.

    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Querido,
    Quem sabe as abelhas resolveram migrar para a lua... ouvi dizer que lá moram grilos gigantes... eles fazem "cri", "cri" a noite inteira... o que torna o sono algo impossível por lá... ou seja... é festa o tempo inteiro... com a atual realidade global... efeito estufa?... guerras santas?...
    Marxismo?... Socialismo?... Neoliberalismo? capitalismo?... terrorismo, uma praga medieval?...ciência?... tecnologia?...milagres?... Marte?... Grã-Bhetânia?... Irã?... Estados Unidos?... até eu quero ir pra lua... Eu no lugar de Neil Armstrong, teria feito domicílio, um jardim, e uma rede na na varanda(rs)... assim como os grilos fizeram... e agora as abelhas... (rs). Vou embora para a lua, nem que seja pra dançar a noite inteira...(+rs)

    Aninha.

    ResponderExcluir
  5. Sylvio, acho que você ficou com fixação por abelhas!
    Deus tome de conta desse povo. Beijinhos amigo, mais sorte na próxima.

    ResponderExcluir
  6. Eu vivo numa boa sem abelhas, já, sem celular, complica...

    =**

    ℓυηα

    ResponderExcluir
  7. Cristiane

    Além de escrever bem, é bonita.
    Muito legal seus contos, bem escritos, desenvolvidos, e diferenciados entre si.

    Uma pena que não comente...
    Pensei que não tinha sido visto, nem lido meus comentários.

    Agradável surpresa vê-la por aqui.

    Abrçs.

    ResponderExcluir
  8. Gloria

    Que bom que vc chegou a conclusão de que deixar a peteca cair não é o fim do mundo...

    Achamos que como o Atlas! que se bobearmos a vida planetária irá pro espaço.... Nada a ver...
    mas, é um sentimento normal ; depois começamos a ver as coisas com mais clareza.

    SOMOS OS ATLAS DE NOSSA VIDA, é só.

    Que bom que sobreviveu.
    Fico contente por nós.

    O papo da abeias... que coisa né?
    Tem tantas coisas acontecendo que entristecem...: várias espécies sumindo a cada dia...
    Ô coisa!

    Abelhas no marmeleiro... Legal!

    De nada zifía.
    Um abração bem forte!

    ResponderExcluir
  9. VaneZa

    Fiquei um pouco chateado com essas palavras no seu perfil:
    ...'Portanto... aos homens de plantão:
    vocês podem até voar por aqui... mas não pousem e nem façam ninho.'

    Não faço restrições que posem nos galhos de minha árvore, na verdade, nescessito disso como do sol e da chuva.
    Pensei que vc ía ficar chateada...

    Sua sugestão foi muito boa. Talves a coloque aqui, só não o fia por achar que o povo, e a pova, sabe disso...

    Homens, VaneZa, fazem um contraponto nescessário, essencial, vital mesmo, para que a vida adquira a fertilidade que lhe é característica junto com vcs, mulheres.
    'Afugentá-los', mesmo que 'literáriamente', não é um bom negócio.

    Mas lhe entendi: o que vc quer é um pouco de 'privacidade'; um lugar essencialmente 'feminino'.

    Agradeço sua presença, venha sempre que quiser; sua feminina opnião não tem preço, aqui.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  10. Oi Aninha!

    Ma tu é bem animada hein????

    Valeu sua passada por aqui, vice?

    ResponderExcluir
  11. Fiquei não, Dama!

    Em tudo que escrevo tem uma pitada (mais que uma pitada, na verdade!), de um bom humor.
    Sou um homem de sorte, acredite!

    bjs!

    ResponderExcluir
  12. Faz sentido.
    Uma vez um apicultor lá em Pirassununga me falou algo sobre uma teoria pela qual as abelhas não são originadas neste planeta.
    Ouvi e calei.
    Porém, ao passar a comprar a geléia real, vi na bula que uma das substâncias da mesma é desconhecida da ciência - a chamada substância "R".
    Não duvido que as abelhas não achem mais este planeta tão propício pro reino delas.
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  13. Em sites de relacionamento sempre encontramos algumas figuras "carimbadas". A separação do joio do trigo fica a critérios pessoais.
    Mas sei que você tem muita sorte. Tem uma cabeça que pensa, escreve como um "Machado" e me parece um homem vivido e coerente.
    Rala aqui em mim e passa um pouquinho dessa sorte. Não sejamos egoístas.

    ResponderExcluir
  14. É, BArbara...
    Algumas coisas que ouvimos de certas pessoas neste planeta nos faz ficar calados...

    Normalmente, insetos não têm a 'aura' que têm as abelhas... (embora algumas delas saiam do enxame que trabalha, e nos ataquem, iradas!).

    Talvez a valorizamos por serem elas úteis a nós (temos essa tendência).

    De qualquer forma..., em última análise, todos viemos de 'fora'.

    Mas, entendi o que quis dizer.

    Um abraço, minha amiga.

    ResponderExcluir
  15. Comecei a frequentar um por achar que era um lugar como qualquer outro, mas, com a vantagem de se conhecer pessoas (esse é o ponto!!) que estavam procurando outras...

    O caso é que só nos damos conta do que estamos fazendo, aonde estamos fazendo, e com quem estamos fazendo, quando vivenciamos essa experiência.
    No meu caso, desisti...
    Cansei minha inteligência e minha (relativa), beleza.

    Coerente me esforço um pouco para ser, é o mínimo que posso fazer por mim.

    Quanto a minha 'sorte', não se iluda; não é diferente da maioria.
    Darei umas raladas, mas, voando sempre à altura de seu radar.


    Abrçs.

    ResponderExcluir
  16. Também gostei da visita... as portas ficam sempre abertas... fique a vontade... para os amigos de plantão... ofereço chá... rede na varanda e boa conversa... de preferência conversas ao estilo "miolo de quartinha"... (rs) sua caneca está reservada... é só chegar!

    Ana.

    ResponderExcluir
  17. Ah!
    Aqui não falamos "Vice"...
    "Vice"? (rs)

    Ana

    ResponderExcluir
  18. Luna
    Parece que vc e o Sr. Lobo têm algo em comum...
    :)

    ResponderExcluir
  19. Felizmente não sou dessas que morrem se não tiver um aparelho celular, prefiro até não usá-lo, mas sou quase obrigada a ser dona de um.
    As pessoas andam desejando em excesso tecnologia, conheço quem possui mais de dois celulares. Ignorância, no meu ponto de vista.

    ResponderExcluir
  20. sylvio,

    apesar da publicação ser grave não pude deixar de rir de sua colocação sobre zangão e mocinhas, zanzar e voar...

    você tem um grande humor, sem dúvida!


    um beijo.

    ResponderExcluir
  21. Falou Aninha,
    foi um prazer para mim.
    Esse papo de 'vice' é coisa de baiano? Ou é coisa de novela paulista...

    Abrçs!

    ResponderExcluir
  22. Ahhh Betina... As vezes fico sério: sééérioo! Mas não sempre que ninguém é de ferro: nem eu nem vcs!


    E isso aqui é pra gente se divertir, aprender, ter um momento legal.

    Dois!

    ResponderExcluir

Atue! Movimente-se! Se expresse! Nem que seja só comentando aqui!